Existing Member?

Lost in Asia

Enfim na INDIA

INDIA | Sunday, 23 December 2012 | Views [1146] | Comments [7]

PRIMEIRAS IMPRESSOES

Melhor comecar a historia um pouco antes. Nos encontramos no aeroporto de Dubai no dia 20. Ja devia ser umas 2:30h da manha. A Vivi vinha de um voo de Barcelona e eu vindo do hotel sem ter dormido direito na noite anterior. 

O aviao decolou as 4:00h de Dubai que ja seriam quase 6:00h na India. Serviram cafe da manha mas parecia jantar pois nos 2 estavamos com a sensacao de que ainda precisavamos ir para a cama. O voo foi curto e quase nao dormimos, chegamos na India depois de horas sem descansar. 

A 1a impressao foi bem positiva, claro que eu estava esperando um caos mas acabei por me surpreeder com o aeroporto. Fila rapida na imigracao, pegamos as malas e trocamos dinheiro. Comecou aqui uma confusao financeira. A Vivi fazendo conta em Euro e eu fazendo conta em dolar, real e Dirham de Dubai. Socorro. 

Na saída do aeroporto compramos nossa primeira garrafinha de água, momento de tensão ja que todos dizem para tomar MUITO CUIDADO COM A AGUA DA INDIA. Abri e bebi logo de uma vez, que nem mergulhar na água fria, ou pula ou não pula. PULEI!!!

Na saída do aeroporto pegamos um taxi que nos levaria para o ashram, mal sabiamos a estrada que estava por vir. Estreita, tortuosa, cheia de pessoas nas beiradas e sempre cortando cidades. Parecia uma estrada do interior da Bahia. Em algum momento cansei de prestar atensão nas ultrapassagens do motorista e peguei no sono. 

Difícil descrever como é acordar entrando no ashram da Ama. Para quem eh espirita, o que nao eh o meu caso mas ajuda a ilustrar, acho que deve ser parecido com a experiencia de algumas pessoas ao desencarnar e chegar em alguma colonia. Um monte de pessoas vestidas de branco andando tranquilamente para todos os lados e muitas mas muitas criancas correndo e brincado. Entrei num estado um pouco letargico por alguns minutos. 

Fizemos o check-in e fomos levar as malas. Uma bela caminhada e mais 4 andares de escada depois, tive meu primeiro momento de reflexao: SERA QUE EU PRECISAVA MESMO DE UMA MALA TAO GRANDE? rsrsrsrs
Chegamos no quarto. 2 beliches, banheiro e um varal dentro do quarto. Como já era de se esperar é tudo muito simples, tivemos um leve impacto com o banheiro mas já nos adaptamos. Na verdade acho que mais do que nos adaptamos, em alguns momentos do dia eu chego a sonhar com o meu chuveiro.
O calor aqui castiga então corremos para a lojinha e compramos as roupas que usariamos. Comprei 1 calça, 2 camisas e um badhi que e quase uma "saia". Claro que não é saia. Na verdade é um pano que você enrola na cintura como se fosse uma toalha na saída do banho. Mil vezes mais refrescante do que qualquer calça ou bermuda. Tomamos banho, nos vestimos a carater e fomos fazer o tour para conhecer o lugar.
 
A caminho do templo onde começaria o tour demos de cara com um bichinho muito dócil e brincalhão. Ela balançava a cabecinha como se estivesse dançando para atrair as pessoas. Claro que fui correndo passar a mão o que rendeu o primeiro e talvez único registro do nosso momento aqui no ashram já que pedem para não fotografar. O tal bichinho  eh essa elefantinha da foto que de tao alegre parecia estar sorrindo enquanto ganhava frutas. 
 
Seguimos para o tour para conhecer todas as depências, um pouco da história e as opções de atividades do ashram, ninguem imagina mas tem muita coisa para fazer aqui. Praticamente um resort espiritual. 
Logo depois do tour garantimos uma senha na fila para o recebermos o abraço de boas vindas da Amma e fomos comer. Num outro momento eu conto um pouco sobre a comida. 
 
Depois de jantar sentamos na fila para receber o abraco Amma (para quem ainda nao conhece a Amma eu promete contar um pouquinho dela mais para frente). Quase duas horas e meia depois finalmente estava chegando nossa vez. O abraco eh um pouco tumultuado, muita gente junta no mesmo lugar. Voce quase nao precisa se mexer, tem um ajudante que te coloca de joelhos, outro que te puxa pra frente dela, outro que coloca seu braco na poltrona ao lado dela, mais um pra segurar sua cabeca e te aproximar do corpo dela. A quantidade de pessoas ao redor dela para conduzir a cerimonia passa uma sensacao de momento com a realeza britanica, quando a Amma na verdade eh uma pessoa muito simples. Os ajudantes se preocupam demais com o protocolo enquanto ela ri, te abraca, fala alguma coisa, gargalha, abraca de novo, sussurra algo no seu ouvido e se despede. Tudo em menos de um minuto com a maioria das pessoas, a menos que ela sinta que a pessoa precisa de mais tempo. 
 
As reacoes sao muito fortes, boa parte das pessoas comeca a sorrir ao se aproximar e nao para mais por um bom tempo. Muita gente cai em prantos, o rapaz que estava na minha frente quase desmaiou e precisou ser ajudado. 
Eu me juntei a maioria e tive uma vontade inexplicavel de dar risada. Ganhei um abraco gostoso, ela repetiu uma palavra no meu ouvido algumas vezes, me deu uma balinha e se despediu.
 
Eu que tinha passado HORAS SEM DESCANSAR, sai de perto dela pronto pra uma maratona. hehehe 
 
Por enquanto eh isso, essa foi a nossa chegada no dia 20/12/12.

O tempo eh curto entao vou tentar focar cada post num tema diferente. Hoje falei da chegada e primeiras impressoes, no proximo vou contar um pouco sobre a rotina no ashram.

Aqui vai soh um "teaser": amanha parece que vou ajudar a arrastar um vaca de um lugar para outro. rsrsrs

 

Ateh....

 

 

Comments

1

Que demais Mala!
Mas me fala uma coisa!!
O que ela te falou ao ouvido?
;)

  Fa Dec 24, 2012 3:47 AM

2

Amigo... Adorei a idéia do blog e vou acompanhar post a post... Essa experiência deve ser magica, aproveite!!! Bjo

  Luiz aor Dec 24, 2012 4:51 AM

3

Acho q vc vai é carregar a vaca no colo não? Já sabemos quão consciente de "SUA SANTIDADE" são as vacas indianas...good luck!!!

  Grece Dec 24, 2012 5:38 AM

4

Fe o que ela disseeeeee???? Rs
Bjos

  Juliana Dec 24, 2012 10:58 AM

5

Muitooo bommm saber dessas históriass!!!! Feliz em saber dessas aventuras!!! Bjãoo Fe!!

  Tay Dec 24, 2012 11:27 AM

6

Aff... acho que a Grece tá certa: trata de se preparar para uma tafera cheia de protocolos, mesuras e "salamaleques" com a Sra. Da. Vaca, mais sagrada ainda por estar onde está...rsrs... Se ela mugir, não se assuste: deve ser uma espécie de bençao...kkkkk

  Leila Dec 25, 2012 2:01 PM

7

Vou acompanhar o blog tbm!!!!

  Rosemeire Dec 25, 2012 11:49 PM

Add your comments

(If you have a travel question, get your Answers here)

In order to avoid spam on these blogs, please enter the code you see in the image. Comments identified as spam will be deleted.


About fernandoamarante

No onibus indo para a praia

Follow Me

Where I've been

Photo Galleries

My trip journals



 

 

Travel Answers about India

Do you have a travel question? Ask other World Nomads.